domingo, 27 de dezembro de 2009

Vira Latas viram estrelas de Calendário!

Entidade que ajuda a proteger cães abandonados lança calendário de 2010 com fotos profissionais de animais sem raça definida.
Achei demais!!!

Olha isto: Revista Casa e Jardim - Vira Latas viram estrela de Calendário!

Os cliques são do fotógrafo Marco Maia, a arte, da designer Leila Fittipaldi, e o projeto, desenvolvido pela publicitária Luciana Sarraf. Cada calendário sai por R$ 20 e pode ser comprado no centro de adoção, em São Paulo, ou no site oficial do Celebridade Vira-Lata. A renda obtida com as vendas será revertida para as instituições que cuidam dos animais de rua. Dá para enfeitar a casa e, quem sabe, se empolgar para adotar um novo amigo.
Centro de Adoção
Av. Paulista 1.919
Quarta a domingo e feriados
Horário: 11h às 20h
Fonte: Revista Casa e Jardim

sábado, 26 de dezembro de 2009

Fidelidade e traição entre cães e seres humanos.


Tudo começou há 15 mil anos, no Paleolítico Superior, com a primeira divisão de trabalho entre os sexos da espécie humana. Os homens caçavam e garantiam a segurança do grupo. As mulheres, com vida mais sedentária, coletavam alimentos e cuidavam dos filhos. Foi neste contexto que se iniciaram as relações entre humanos e canídeos.

Baseada em consistente bibliografia, a pesquisadora Mary Elizabeth Thurston, no livro The lost history of the canine race, uma elegante síntese sobre o tema, aponta que os primeiros contatos se deram de forma prosaica, mas admirável: a adoção. Matilhas de lobos sempre ameaçaram populações humanas. E os homens, determinados a se defender de ataques, eliminavam os animais adultos que rondavam os entornos de suas habitações. Ao abater os adultos, no entanto, inúmeros filhotes ficavam órfãos, entregues a um meio hostil, com chances mínimas de sobrevivência. Atraídos principalmente pelos odores produzidos pelas atividades humanas, os filhotes acabavam se aproximando. E as mulheres, em vez de simplesmente darem a eles restos de alimentos, amamentavam-nos com o mesmo leite dispensado aos filhos. Essa aproximação fez com que filhotes se integrassem ao grupo, na qualidade de recém-chegadose se ambientassem ao convívio humano. A pesquisadora aponta que evidências dessa teoria foram encontradas a partir do século 19, entre povos indígenas em várias partes do mundo. Elas comprovariam a maneira como cães e humanos se aproximaram para consolidar uma relação que, agora, faz desse animal o melhor amigo do homem....

Mas então por que ainda existem pessoas que maltratam os animais? Quem responde é Nelson Aprobato Filhos neste artigo da Revista Cientific American Brasil - disponível na reportagem da UOL... pra quem gosta de história e antropologia a leitura é perfeita!

Clica aqui

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Vem chegando o verãooooo.....

Chegando o verão nada mais justo q tosar nossos bichinhos! hehehe
Além de renovar o visual, vc tb aproveita para refrescar os bichanos certo?

Aqui em casa a Pitty é extremanente encalorada, ela sofre quando chega o verão... passa quase o dia todo de barriga para baixo com as patas pra trás para se refrescar !! Olha a posição preferida dela...




Aqui ela brincando de tímida kkkk - na verdade ela tem mania de coçar o fucinho é uma graça!!!




A Mell ficou estressada com a tosa...foi sua primeira tosa... ficou parecendo um mini labrador,mas tudo bem! hehehehe - Ela não é tão calorenta como a mãe, mas adorou ficar fresquinha!!!

Olha que charme!


De lacinho e brinco!!!
Se tem uma coisa que eu amo na Mell é o tamanho do fucinho dela! É enormmmeee e parece de brinquedo! Isso sem contar q o tamanho faz juz a curiosidade que ela tem pelas coisas !! Resumindo: mete o fucinho em tudo !!! hehehe


Gostoso mesmo é receber uma "cheirada" na orelha daquele jeitooooo.... hehehe



Uma cheirada bem gostosa para todos! Bjs

sábado, 19 de dezembro de 2009

Lembrete de Natal


Aqui deixo os meus votos de Feliz Natal para todos! E lembre-se: aproveite o momento e presenteie quem você ama - com outro ser que vai amar vocês! - Adote um bichinho neste Natal!! É alegria e amor incondicional garantidos!
Bjs

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Cães e Gatos no cinema!

video

Ai gente amei este trailer... o lançamento está previsto para 2010... nem precisa dizer se eu vou vê-lo né? rs...

Olha este cocker! hehehe

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Mariana e o cãozinho Xuxo!



Prometi que iria "homenagear" uma amiga aqui hoje... como promessa é dívida, aqui estou... ela já deve estar rindo (e me xingando em pensamento) só de pensar em ler as próximas linhas tenho certeza! Na verdade é uma homenagem "vingança" a minha amiga querida!!! hahaaa

Mas é q eu precisoooo tornar público a história da minha querida amiga Mariana... sim , sim... Mariana é daquelas amigas maravilhosas, que trabalha com vc, te adora, mas não perde uma oportunidade para tirar uma com a sua cara... e desde q nos conhecemos ela acha um "absurdo" esta loucura q tenho pelas minhas cachorras... ela ri das histórias q conto das minhas filhotas, ela faz mil piadinhas e diz não entender este "amor por cães" já que (diz ela) que não é muito "chegada" neste tipo de bicho... (ela faz caras e bocas só de pensar num cachorro lambendo a cara dela!! hahaha)


Enfim, passei o ano "aguentado a Mari" deixando ela judiar de mim! hihihi




Até que nas últimas semanas, numa destas "conversas" entre amigas, começamos a contar histórias de nossa infância, das músicas que ouvíamos, e rolou muita coisa (cof cof ) e muitas risadas!


E de repente, não mais q de repente, minha amiga Mari, nos conta (muito emotiva clarooo) que uma das suas grandes lembranças da infância, era colocar o disco da xuxa na vitrola, apagar as luzes da sala, fechar as portas e janelas, se jogar no sofá (ou era no chão?) e cantar até morrer de chorar a música do cãozinho xuxo... com direito a performance!!!!!!!!!!


- Hã Mari??? Como assim????hã??? Cãozinho Xuxo??? Pelo amoorrrr..... (fiz uma pausa neste momento e fiquei imaginando a cena!!!!!!!!!) kkkkk


Ela ainda faz uma cara de "olha a besteira q eu falei" e conclui:


- Isso pq eu nem gosto de cachorro né? ai que bobice!!


Caímos na risada (a minha com certeza foi a mais estrapolada de todas!!!)

Desde então, ando super solidária aos sentimentos da minha amiga Mari... Lembro todos os dias do cãozinho xuxo e canto para ela!!!

Tenho certeza q o trauma de infância vai passar, ela vai superar tudo isto numa boa - mas foi bom saber q ela já TENTOU, gostou de um cachorro um dia nesta vida! ....

Então amiga,

Mari meu amor de amiga... vc não iria escapar desta!!! hahaha

Fernando, arruma um cachorrinho para a Mari... que tal o Cãozinho Xuxo???

Ela promete não fazer performance e nem chorar na sala, né Mari??? Afinal o sofá é novo!!! hahahaha

* parabéns amiga por seu 1 aninho de casada! viu!! bjs




" Meu cãozinho Xuxo..o que sinto por vc...só com palavras não sei dizer" ....

Hahahahaha

Mariana: confessa - vc tb assistia TV Colosso!?

kkkk

Bjs

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Frase da Semana!


"Animais são anjos disfarçados, mandados à terra por Deus para mostrar ao homem o que é fidelidade."
Ótimo fim de Semana!!

domingo, 29 de novembro de 2009

Mell - o doce das nossas vidas!

Mal os filhotes da Pitty foram desmamados e eu já estava convicta de q iria ficar com uma filhote para mim... Eram 3 mocinhas e 3 mocinhos! E uma tinha q ser minha né? Ainda mais pq a Pitty jamais voltaria a cruzar novamente...
Pois o que o marido mais temia aconteceu! Na cabeça dele (claro) não tínhamos espaço e nem tempo para ter e cuidar de duas cachorras, blá blá ....
E na minha cabeça - a decisão já tinha sido tomada! hahaha - por isso deixei ele falar a vontade né coitado... como ele mesmo diz: entrou por um ouvido, saiu pelo outro...
Em sua última tentativa (de me convencer) ... ele solta isto:
- Vc decide amor, ou a cachorra ou eu...
Eu sorrindo respondo:
- Arrume suas malas amor!
Hehehe... e caímos na risada... e acabei descobrindo q no fundo daquele coração de pedra (tadinho rs) ele já estava caído de amores pelas filhotes... só faltou escolher qual seria a nossa...

... o nome dela escolhemos juntos... seria Mell...

Mell desde o início era a que mais tinha afinidade conosco... todos os filhores brincando no quintal, só ela dentro de casa; todos dormiam só ela ficava acordada olhando para gente! rs...

E assim, ela foi escolhida como nossa caçulinha!

E o maridex q era "do contra" hoje é o culpado pela Mell ser tão mimada !!! A afinidade q eles possuem um com o outro é incrível... quando ela apronta alguma, eu logo digo: - tinha q ser a sua filha mesmo!! hehehe



sábado, 21 de novembro de 2009

Pitty minha primeira paixão!!!

Eu era apaixonada pela Kiara, cocker preta da minha amiga Cris ...no dia em que a Kiara ficou prenha não tive dúvidas:
- Queria uma filhote para mim!
Quando eles nasceram, esperei alguns dias e fui lá conhecê-los!!! Eu nunca vou esquecer este dia: a Cris veio com uma caixa de papelão virou de lado, para todos os filhotes sairem da caixa... mal eles sabiam andar, mal enxergavam!
Fiquei sentada no sofá vendo aquelas bolas de pelo lindas, cambaleando pra cá e pra lá, enquanto conversava com ela sobre a espera dos 45 dias para o desmame...
Nisto, veio em minha direção aquela coisinha marrom peluda gorda... cheirou o meu pé e deitou-se sobre ele e lá ficou!!!
Então, eu não pensei duas vezes!!! Ainda falei para Cris: se for fêmea eu quero esta pra mim!!! Ela era uma das únicas fêmeas na cor caramelo (cor do macho - pai)
Por isto que digo que foi a Pitty q me escolheu! Não eu que a escolhi!
Quando já estava com dois anos, resolvi cruzá-la ... tive medo daquelas histórias de cancêr etc etc... foi então que ela se apaixonou pelo cachorro do vizinho: hehehe - ele era tão lindo quanto ela! Era um cocker também caramelo!!!

Aqui a Pitty já prenha... gorda, linda e mimada!!! Ela adorava deitar de barriga para cima...Já nos últimos dias ela sentia demais os cachorrinhos mexendo (eles mexiam o tempo todo) por isso ela ficava com a barriga pra cima como se estivesse sendo massageada, ou recebendo cóceguinhas deles! heheheMas o que era pra ser tranquilo, não foi tão tranquilo assim... um dos filhotes "virou" e travou a saída, não possibilitando o parto normal... ela sofreu tanto... fez uma cesárea às pressas com grande risco de morte... neste dia meu mundo tornou-se menor do que um caroço de azeitona...
Foram 4 horas de angústia até ela voltar da anestesia para saber se estava tudo bem mesmo... e quando ela acordou estava rodeada de 6 filhotes todos caramelos, esfomeados e loucos para mamar!
A mãe de cachorro, literalmente fui eu... que acordei de 1 em 1 hora para colocá-los para mamar e fazer estimulação para o xixi... pois a coitada da Pitty não tinha forças nem pra mexer os olhos para me olhar...
Foram 24 horas sem dormir, revezando com o marido... Só no dia seguinte ela conseguiu com muita dificuldade sair da caminha e ir fazer xixi no quintal... qd vi aquela cena - ela se arrastando, tontinha, toda costuradinha, com dores para fazer um só xixi... sentei na beirada da porta e chorei tanto!
......
Ela ficou 4 dias sem reconhecer os filhotes... não queria nem chegar perto deles...para dar de mamar, eu atacava de mãe, colocava cada um na tetinha, tirava, administrava tudo! rs
No quarto dia, ela acordou "mãe" ... passou a cheirar os filhotes, a deitar procurando uma posição para eles, a lamber suas barriguinhas e limpar o local em que eles estavam...
E do dia pra noite, ela virou a "mãe" mais exemplar do mundo!! Estava mega carinhosa, não os deixava por nada... salvo alguns breves passeios q ela fazia pelo quintal enquanto eles dormiam...
Era muito lindo de se ver...
Enquanto isto, os bichinhos só cresciam!!!

Certa vez deu um "toró" no fim da tarde... liguei para o marido q estava saindo para trabalhar pedi para ele fazer um cercadinho na sala com os colchonetes e deixar todo mundo lá dentro, pois tinha medo de chover na varanda onde eles ficavam...

Quando cheguei do trabalho, eles já tinham se rebelado e ultrapassado as barreiras feitas!! E lá fui eu, procurando um por um... achei alguns pela sala, outros pela cozinha, mas quando me dei conta faltava um!

Procurei por todos os lados!! Não encontrava... foi me dando um treco, pois não era possível aquilo acontecer!!!

Foi quando vi a Pitty do lado da geladeira me falando com os olhos: vc não procurou direito nãoooo...rsrsr

Aí me dei conta da situação - ela estava me mostrando onde estava o último! E advinhem: dentro do motor da geladeira!!!!

Acho q o danadinho ficou procurando um lugar quentinho para se esconder e por lá ficou e dormiu!!! rs

Este dia foi muito engraçado!!

Esta é a foto da Pitty em sua última mamada... Olha o tamanho dos bichinhos!!! ....
Eu sempre digo q ela foi uma guerreira e um exemplo de mãe... vcs imaginam: eram 6 filhotes, todos querendo mamar toda hora e ao mesmo tempo - ela ainda estava com os pontos da cesárea... era uma briga por lugar q não tinha como evitar as patinhas nos pontos e no machucado... eu até comprei uma super pomada para aliviar a dor naqueles momentos, mas de resto ela aguentava firme... quando os dentes nasceram foi ficando cada vez mais difícil amamentar... ela rosnava de dor... tadinha! Mas ficava lá, firme e forte! rs

Quando os cachorrinhos foram partindo, eu percebia no olhar o desespero dela... mas no fundo ela parecia entender q estava na hora de partir... ela ficava nestes dias muito triste... cheirava seus filhotes várias e várias vezes... como se estivesse contando um por um, e se certificando quem tinha ido embora...

Foi quando resolvi ficar com uma ... afinal a Pitty não voltaria a ter filhotes novamente... seu parto foi traumatizante e o útero teve q ser todo retirado e por isso castrada...

Mas esta história conto num outro post...pois este já ficou enorme!! rsrs


* a qualidade das fotos está bem ruim, mas foram as únicas q restaram! se vc guarda suas fotos em pen drive como a gente guardava cuidado: vc corre o risco de perder o pen drive ou queimá-lo no computador do trabalho... (foi isto q aconteceu conosco!) rs... snif !

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Começo de Tudo


Descobri que alguns anjos não possuem asas... eu mesma conheci uns que possuíam muito pelo e um par de orelhas grandes!!!... não voam .... mas correm pela casa atrá de vc babando e adoram chamar a sua atenção...

A Pitty apareceu na minha vida, no momento em que eu mais precisava dela...foi amor a primeira vista... foi ela que me escolheu e não eu que a escolhi...
Ela é linda, brincalhona, bem humorada... tem uma personalidade própria....ela fala comigo com os olhos, me beija com suas lambidas, sabe quando estou triste ou feliz... sempre foi minha grande companheira e protetora... ela tb me deu de presente (mas com um pouco de susto!!) a Mell... nossa xodó... nossa pequena filhote... que hoje nos traz muitas alegrias além dos prejuízos deixados pelas suas mordidinhas!!!
(escrevi isto em 03 de outubro de 2008)